Bem vindos à Oficina das Papitas. Este meu projecto, tem como principal objectivo ajudar os meus filhos que já não vivem comigo, mas que têm de cozinhar para si próprios. Espero assim poder ajudá-los. Tentarei fazê-lo com muito amor.
Janeiro 2012
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
Posts mais comentados
16
Jan
12

O funcho, planta muito aromática devido à presença do anetol que confere a esta planta propriedades estimulantes das funções digestivas é utilizado na culinária em saladas, estufados, sopas, etc. as suas sementes para além de serem utilizadas na culinária, também são muito utilizadas para infusões.

 

São sobejamente conhecidos os rebuçados de funcho, oriundos da Ilha da Madeira. Recordo-me da primeira vez que fui ao Funchal, com os meus pais ir visitar um tio afastado da minha mãe, o tio Luís, que tinha uma fábrica artesanal de rebuçados de funcho. Apesar da minha tenra idade, pois não tinha mais de meia dúzia de anos, ficou-me gravada a imagem do tio Luís a cortar “tubos” da mistura ainda amolecida de açúcar com a calda de funcho para os transformar em rebuçados.

 

Bem, com muita pena minha não sei fazer rebuçados de funcho ( e adoro),mas sei fazer funcho estufado que fica muito, muito, muito saboroso.

 

O que preparar:

 

  1. 2 pés de funcho;
  2. 1 cenoura;
  3. 1 cebola;
  4. 1 colher de banha;
  5. 2 colheres de polpa de tomate;
  6. 1 dl de água ou caldo de carne;
  7. Sal a gosto.

 

Como preparar:

 

Partir os pés de funcho ao meio e ao alto, lavá-los bem e escaldá-los em água fervente.

 

Num tacho, colocar a cebola em rodelas finas, a cenoura também em rodelas e a banha. Levar ao lume a derreter a banha e colocar por cima os pés de funcho com a parte cortada virada para baixo.

 

Diluir a polpa de tomate no caldo e regar o funcho com esta mistura. Temperar com sal e pimenta e deixar cozer em lume brando até o funcho ficar macio o que pode demorar uns 40’. Se, ao logo da cozedura, o molho começar a desaparecer, deitar mais um pouco de caldo.

 

Óptimo para comer assim ou para acompanhar um prato de carne ou mesmo peixe que não tenha muito molho.

 

Mãos à obra.

 

publicado por Maria às 08:00
Contador
mais sobre mim
pesquisar neste blog
 
Janeiro 2012
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
últ. comentários
Ficou lindo, foi a minha inspiração para o almoço ...
Parece impossível a sra classificar como peixe da ...
è um prato da minha infância, de que guardo record...
O que é maca?
Um correcçãoNão consigo recordar o ano mas seguram...
maravilha
maravilha
De facto cavala e sarda não são o mesmo peixe, as ...
Top blogs de receitas
blogs SAPO