Bem vindos à Oficina das Papitas. Este meu projecto, tem como principal objectivo ajudar os meus filhos que já não vivem comigo, mas que têm de cozinhar para si próprios. Espero assim poder ajudá-los. Tentarei fazê-lo com muito amor.
Junho 2014
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
11
13
15
16
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
Posts mais comentados
11
Out
12

A receita que trago e um acompanhamento muito agradavel de carnes vermelhas, de caca pu ate mesmo aves.

E muito simples e rapida de confeccionar e, para alem de contrastar muito bemcom o sabor das carnes referidas, da um toque especial e de requinte ao prato.

Inspirei-me no blog "las Recetas de Sara"

 

O que preparar:

  1. 3 macas descarocadas e cortadas em meias luas em 8 partes;
  2. 2 colheres de sopa de azeite;
  3. 50 g de acucar mascavado;
  4. 2 colheres de sopa de manteiga.

Como preparar:

Numa frigideira anti-aderente, colocar o azeite e a manteiga. Quando derreter esta ultima, colocar as macas e deixar fritar ate ficarem alouradas. Deitar o acucar e deixar fervilhar ate comecar a caramelizar.

Excelente!

Maos a obra.

publicado por Maria às 08:00
22
Jul
12

Hoje trago uma receita que tanto pode servir de prato principal como de acompanhamento ou mesmo como entrada. Cá em casa, tive de fazer como acompanhamento de uns lombinhos de porco grelhados pois os meus comilões não se contentariam, somente, com a salada. De qualquer forma, elogiaram esta magnífica receita que fui buscar à Susana ( Gasparzinha).

Agora, vou dizer como fiz:

O que preparei:

  1. 2 colheres de sopa de manteiga;
  2. 2 colheres de sopa de azeite;
  3. ½ bolbo de funcho picado;
  4. 150g de rabanetes cortados em rodelas;
  5. 500g de ervilhas tortas;
  6. ½  chávena de sumo de laranja ( cerca de 120ml);
  7. 1 colher de sopa de rama de funcho;
  8. Sal e pimenta a gosto;
  9. 1 requeijão.

Como preparei:

Aqueci a manteiga e azeite na wok e adicionei o funcho picado e deixei cozinhar cerca de 5’. Juntei os rabanetes e espere mais 2’. Adicionei então as ervilhas tortas e cozinhei em lume vivo durante cerca de 4’. Adicionei o sumo de laranja, a rama de funcho picada, temperei com sal e pimenta moída na hora e deixei cozinhar em lume brando cerca de 10’, estando atenta para não deixar amolecer os rabanetes e as ervilhas (devem ficar crocantes).

Salpicar com o requeijão esfarelado e servir.

Como disse acima, acompanhou lombinhos de porco fatiados, grelhados na chapa e temperados com sal, limão e manteiga amolecida com alho ralado.

Mãos à obra.

publicado por Maria às 08:00
10
Jul
12

Hoje trago um acompanhamento de preparação muito simples e muito delicioso. 

 O que preparar:

  1. 2 cenouras médias;
  2. 200g de Orzo;
  3. E dentes de alho;
  4. Sumo de ½ limão;
  5. 1 colher de sopa de manteiga;
  6. 3 colheres cheias de hortelã picada;
  7. Sal a gosto.

Como preparar:

Tirar a casca às cenouras, parti-las em cubos pequeninos e cozer em água temperada com sal.

Cozer a massa em água temperada com sal, obedecendo aos tempos indicados na embalagem para não ficar crua ou cozer demasiado. Escorrer a massa e adicionar a manteiga e os alhos ralados. Envolver bem e misturar de seguida os cubos de cenoura cozida. Levar ao lume por 2’ e juntar o sumo de limão, envolvendo bem. Retirar do lume, misturar a hortelã picadinha e servir de imediato.

Mãos à obra.

Receita adaptada um dos meus blogs favoritos.

publicado por Maria às 08:00
17
Mai
12

Gosto da simplicidade. Nem sempre fui assim, mas acho que a idade apurou este meu gosto.

 

Perdi a paciência para coisas elaboradas, retorcidas e complicadas; em tudo. Afinal, se quisermos, tudo é tão simples…

 

Esta receita, que pode ser comida como acompanhamento, como entrada ou, simplesmente assim, simples,prova a simplicidade é uma forma de grandeza.

 

O que preparar:

 

  1. Folhas de rúcula selvagem;
  2. 50g de nozes grosseiramente moídas;
  3. 1 haste de rosmaninho;
  4. 0,5dl de azeite;
  5. Sal, pimenta e sumo de limão a gosto.
  6. Azeitonas a gosto.

 

Como preparar:

 

Levar a lume brando o azeite, a haste de rosmaninho e as nozes. deixar fervilhar cerca de 8’, em lume brando, para que o azeite absorva os óleos libertados pelo rosmaninho e nozes.

 

Dispôr num prato folhas de rúcula. Temperar com algum sal e pimenta. Verter por cima o azeite e as nozes, imediatamente antes de servir para as folhas de rúcula não murcharem com o azeite quente. Pingar com sumo de limão colocar algumas azeitonas e servir de imediato.

 

Mãos à obra

 

 

Adaptado do livro " Cozinha Rápidapara Saborear Devagar" da Donna Hay 

publicado por Maria às 08:00
04
Fev
12

Hás vezes acho uma pena que, assim como podemos transmitir as imagens dos cozinhados que fazemos, não possamos, igualmente, transmitir o cheirinho bom que exalam.

 

É o caso destas batatinhas que aprendi a fazer no Natal de 2010, num programa televisivo dedicado a esta quadra e apresentado pelo Jamie Oliver.

 

São deliciosas e, durante alguns meses fi-las com muita frequência. A minha irmã adora-as e pediu-me a receita. Não sei se lhe cheguei a dar… Se não dei, aqui está ela.

 

 

 

O que preparar:

 

  1. Batatas descascadas e cortadas em 4, ao alto;
  2. Azeite a gosto;
  3. Folhinhas de alecrim, a gosto;
  4. Sal e pimenta, a gosto.

 

 

 

Como preparar:

 

Colocar as batatas numa panela com água fervente e com um pouco de sal. Deixar cozer as batatas só até meio da sua cozedura ideal, devendo estar um pouco rijas.

 

Escorrer a água, colocar as batatas numa taça de ir ao forno e temperar com sal fini, pimenta acabada de moer e folhas de alecrim fresco.

 

Regar com azeite mas sem exagerar. Levar ao forno quente, a 200ºC, durante cerca de 40’.

 

As batatas devem ficar lourinhas e crocantes nas “arestas” e “vértices”.

 

São óptimas para acompanhamento de carnes, peixes ou, simplesmente, uns ovos mexidos.

 

Mãos à obra.

 

 

 

publicado por Maria às 08:00
Contador
mais sobre mim
pesquisar neste blog
 
Junho 2014
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
11
13
15
16
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
últ. comentários
Ficou lindo, foi a minha inspiração para o almoço ...
Parece impossível a sra classificar como peixe da ...
è um prato da minha infância, de que guardo record...
O que é maca?
Um correcçãoNão consigo recordar o ano mas seguram...
maravilha
maravilha
De facto cavala e sarda não são o mesmo peixe, as ...
Top blogs de receitas
blogs SAPO