Bem vindos à Oficina das Papitas. Este meu projecto, tem como principal objectivo ajudar os meus filhos que já não vivem comigo, mas que têm de cozinhar para si próprios. Espero assim poder ajudá-los. Tentarei fazê-lo com muito amor.
Junho 2014
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
11
13
15
16
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
subscrever feeds
Posts mais comentados
10
Jun
14

Julgo que o segredo de uma boa salada está no molho com que a temperamos. É claro que os componentes são muito importantes mas, o que confere o toque especial é a combinação dos ingredientes com que a regamos.

É o que acontece a esta salada que hoje aqui trago. É um molho inspirado em sabores asiáticos muito mais saudável e muito menos calórico que a vulgar maionese. 

Como todas as saladas, esta deverá ser temperada, somente e imediatamente, antes de ser servida.

É excelente para uma refeição fresca, leve em dias de calor. Também pode ser levada para a praia ou para um picnic.


O que preparar:

400g de camarões cozidos e sem casca;

1 pepino grande descascado e partido em cubos pequenos;

2 alfaces pequenas, de preferência gemas de alface, ou alface iceberg, picada em tiras.


Para o molho:

1,5 colher de sopa de molho de peixe;

2 colheres de sopa de molho de pimento doce;

sumo e zest de 1 lima;

1 colher de sopa de açúcar marcavado:

4 colheres de sopa de iogurte natural.


Como preparar:

Preparar primeiro o molho. Deitar 1 colher de sopa de molho de peixe numa taça e o molho de pimento doce, as zest e sumo de lima e o açúcar. mexer bem. Juntar o iogurte, deitando uma colherada de cada vez, mexendo a cada adição. Provar e, se necessário, juntar um poucomais de molho de peixe.

Deitar uma colherada de molho no fundo de uma taça ou em cada prato de servir. Colocar a alface, o pepino e por fim os camarões. Guardar no frigorífico se não for consumida logo. Na hora de servir, regar com o molho preparado.

Mãos à obra.


Receita inspirada numa publicação do livro "Ultimate Home Cooking" do Chef Gordon Ramsay.

publicado por Maria às 11:56
26
Jul
13
Salsa verde é um molho italiano que tempera peixes, saladas, carnes frias e até barra, simplesmente, uma fatia de pão torrado. É delicioso e muito fácil de preparar.
Adaptei esta receita do livro "Recipes and Dreams" da Tessa Kiros. Espero que gostem pois cá em casa foi muito elogiada.
O que preparar:
  1. 1 truta salmonada ;
  2. flor de sal:
  3. 1 limão ( casca e sumo).
Para o molho:
  1. 2 colheres de sopa de salsa picada;
  2. 2 colheres de sopa de estragão;
  3. 1 colher de sopa de folhas de menta finamente picada;
  4. 2 dentes de alho picados;
  5. 2,5 colheres de sopa de alcaparras em coserva de vinagre escorridas e picadas;
  6. 3 filetes de acnchova picados;
  7. 200ml de azeite;
  8. 1 colher de sopa de mostrada Dijon;
  9. 1 pitada de piri piri em flocos;
  10. pimenta preta moida na hora.

Como preparar:

O molho:

Misturar as ervas, as alcaparras e as anchovas. Misturar a mostarda e o azeite numa taça. Juntar as duas misturas. Adicionar o piri piri e a pimenta. Mexer bem e levar um pouco ao frigorífico para que os sabores se misturem.

 

A truta:

Cortar os lombos da truta e descartar a cabeça e as espinhas. Colocar num tabuleiro de forno untado com azeite e temperar o peixe com flor de sal, raspe a sumo de 1 limão. Levar ao forno a 160ºC durante cerca de 10 minutos.

 

Servir os filetes de truta temperados com o molho e acompanhados de batatinha nova e cozida com pele.

Mãos à obra.

 

tags: ,
publicado por Maria às 17:30
27
Out
12

 

 

Um pouco atrasada venho publicar uma receita de massa para assinalar o seu dia mundial que foi celebrado no passado dia 25.

Venho igualmente, com esta receita, participar no desafio lancado pelo Cinco Quartos de Laranja em parceria com a Milaneza intitulado Um prato de massa Milaneza com um toque de laranja.

Espero que gostem.

 

O que preparar:

  1. 2 peitos de frango;
  2. 1 fio de azeite;
  3. 2 dentes de alho ralados;
  4. sumo de 1/2 laranja e raspa de uma laranja inteira;
  5. 1 beringela;
  6. 1 courgete;
  7. 300g de macarrao Milaneza GE ( tortiglioni);
  8. 400g de molho marinara;
  9. 4 fatias de presunto de boa qualidade;
  10. 1 queijo mozzarella fresco;
  11. queijo parmesao ralado na hora;
  12. folhas de manjericao;
  13. sal e pimenta preta a gosto.

Como preparar:

Colocar os peitos de frango partidos em bifes grossos num tabuleiro e regar com um fio de azeite, o sumo da 1/2 laranja, a raspa da laranja, os alhos ralados, sal e pimenta. Deixar marinar pelo menos durante 1 hora.

Descascar a beringela, e corta-la em fatias de cerca de 0,5cm. Deixar as rodelas num passador  durante cerca de 1/2 hora de molde a que desidratem descantando o liquido que libertarem. Reservar. Cortar a courgete em rodelas.

Cozer a massa Milaneza macarrao GE em agua, generosamente, temperada  com sal e juntar no fim da cozedura um fio de azeite para nao pegar.

Fazer o molho marinara.

Deitar a massa Milaneza macarrao GE num tabuleiro de forno e deitar por cima um pouco de marinara. Polvilhar com parmesao ralado na hora ( nao poupar neste).  Colocar por cima os bifes de frango escorridos da marinada onde estiveram e por cima as fatias de presunto. Acabar a montagem com as fatias de beringela e courgete. Regar com a restante marinara, polvilhar com parmesao ralado na hora e folhas de manjericao cortadas em tiras finas e, por fim, mozzarella fresco cortado em rodelas.

Levar ao forno pre- aquecido a 170C por cerca de 20'.

Maos a obra

 

publicado por Maria às 16:43
16
Mai
12

Esta receita adaptada de uma da autoria do Chef José Avillez, é uma verdadeira delícia e, apesar de parte dela ser feita no forno, é um prato muito apropriado para estes dias quentes. Espero que gostei pois, cá em casa, foi muito apreciada e elogiada.

 

O que preparar:

 

Para o atum:

 

  1. Um lombo de atum fresco com cerca de 600g;
  2. Sementes de sésamo qb;
  3. Azeite e sal a gosto.

 

Para a terrina de beringela:

 

  1. 200g de beringelas ou courgetes;
  2. 2 ovos;
  3. 100ml de natas;
  4. 150g de parmesão ralado;
  5. 200g de pão ralado especial ( pão ralado com casca de limão, alho, salsa e quijo parmesão e temperado com sal e pimenta);
  6. 50g de miolo de noz grosseiramente picada;
  7. Manteiga e pão ralado a gosto.

 

Para a redução de balsâmico:

 

  1. 250ml de vinagre balsâmico.

 

 

 

Como preparar:

 

Limpar o lombo de atum, retirando as partes mais escuras se as houver. Cortar em paralelepípedos com 2,5 cm de largura por 2cm de altura, sensivelmente. Temperar com sal. Passar pelas sementes de sésamo e fritá-los num fio de azeite bem quente marcando os 4 lados rapidamente mas não marcando as extremidades. Reservar.

 

Para preparar a terrina, colocamos um tacho com água ao lume e, quando começar a ferver, colocar a beringela, previamente descascada e cortada aos cubos, deixando ferver cerca de 7’. Retirar e escorrer bem. Numa frigideira, saltear a beringela num fio de azeite, polvilhar com pão ralado e misturar até perder a humidade.

 

Adicionar o queijo ralado e mexer novamente.

 

Colocar esta mistura numa tigela e juntar as natas, os ovos batidos e as nozes picadas. Misturar bem e corrigir os temperos com sal e pimenta.

 

Untar uma terrina com manteiga, forrá-la com pãp ralado e verter por cima a mistura. Fecahar com papel de alumínio e levar ao forno , em banho Maria, a 160ºC durante 30’. Retirar o papel de alumínio e deixar no forno mais 15’.

 

Num tachinho, colocar o vinagre balsâmico e levar ao lume a ferver, lentamente, até reduzir para um terço e ficar um líquido grosso.

 

Servir os lombos cortados em fatias, regados com o vinagre balsâmico reduzido e acompanhados com tirar da terrina de beringela.

 

Mãos à obra.

 

publicado por Maria às 08:00
30
Mar
12

Lulas, calamares, calamari são essencialmente usadas na dieta mediterranica sendo que, cada país desta região tem as suas formas favoritas de preparar. Em Itália é da forma que apresento hoje que são mais apreciadas e, por isso ,lhes chamei calamari. Se não conhecem esta forma de preparar, experimentem porque é um petisco delicioso.

O que preparar:

 

  1. 1 Kg de lulas ( podem ser congeladas);
  2. 100ml de butermilk;
  3. Molho picante;(facultativo)
  4. 120g de farinha de trigo;
  5. 75g de semolinho ( sêmola de milho);
  6. 50g de Maizena;
  7. Óleo vegetal para fritar;
  8. Sal e pimenta a gosto.

 

Como preparar:

 

Cortar as lulas em anéis com cerca de 1cm. Colocá-las num saco de plástico juntamente com o sal, pimenta, butermilk e o molho picante. Massajar para espalhar os temperos e guardar no frigorífico pelo menos 2 horas.

 

Na altura de preparar, colocar num recipiente a farinha de trigo, o semolinho e a Maizena. Misturar bem.

 

Retirar as lulas do saco e colocá-las num passador para escorrer o tempero em que estiveram.

 

Aquecer bem o óleo numa frigideira funda ou numa caçarola, passar as lulas pelas farinhas e deitar no óleo. Não deixar fritar mais do que 1’ pois a partir desse tempo de fritura as lulas secam ficando com textura de borrachinhas.

 

Ir retirando, colocando em papel absorvente que pode ser simplesmente, papel de cozinha e voltar a deixar aquecer bem o óleo para deitar mais lulas para fritar. Volto a frisar que o tempo de fritura é muito rápido e não deverá ultrapassar 1’.

 

As lulas ficam crocantes por terem sido panadas nas farinhas e ficam macias por terem marinado em butermilk.

 

Ir comendo as lulas “mergulhadas em maionese  que foi temperada com 2 dentes de alho ralados, sumo de  ½ limão e cebolinho picado.

 

Uma boa salada será um bom acompanhamento.

 

Mãos à obra

 

tags: ,
publicado por Maria às 08:00
Contador
mais sobre mim
pesquisar neste blog
 
Junho 2014
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
11
13
15
16
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
últ. comentários
Ficou lindo, foi a minha inspiração para o almoço ...
Parece impossível a sra classificar como peixe da ...
è um prato da minha infância, de que guardo record...
O que é maca?
Um correcçãoNão consigo recordar o ano mas seguram...
maravilha
maravilha
De facto cavala e sarda não são o mesmo peixe, as ...
Top blogs de receitas
blogs SAPO