Bem vindos à Oficina das Papitas. Este meu projecto, tem como principal objectivo ajudar os meus filhos que já não vivem comigo, mas que têm de cozinhar para si próprios. Espero assim poder ajudá-los. Tentarei fazê-lo com muito amor.
Maio 2013
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
16
20
24
25
27
28
29
30
31
Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

subscrever feeds
Posts mais comentados
07
Mai
13
Só quem ainda não experimentou fazer gelados artesanais desconhece quão superiores são aos gelados de compra. Gosto muito de gelados e, cá em casa comemos todo o ano. Porém, quando o calor aperta, tornam-se, como é evidente, muito mais apetecidos. Aqui trago o meu sabor favorito, o gelado de baunilha. E com esta delícia, abro oficialmente a época dos gelados aqui no meu espaço. Acompanham-me numa tacinha?
O que preparar:
  1. 400ml de natas;
  2. 300ml de leite meio gordo;
  3. 1 vagem de baunilha;
  4. 100g de açúcar;
  5. 4 gemas de ovos.

Como preparar:

Thermomix/Bimby:

Com uma faca afiada, abrir a vagem de baunilha ao meio longitudinalmente e raspar as sementes. No copo colocar a vagem e as semente, bem como o leite e as natas. Marcar 10 min Temp 90ºC Colher inversa. Ao fim deste tempo, juntar o açúcar e marcar 10 seg veloc colher inversa. Abrir a tampa e retirar um pouco do líquido quente e juntar, mexendo sempre com uma vara de arames, às gemas previamente batidas. Fechar o copo, marcar somente a veloc da colher inversa e , pelo bocal, ir juntando as gemas em fio. Marcar 6 min temp 80ºC veloc colher inversa. Quando terminado, retirar a vagem da baunilha, deitar a mistura numa taça de carêmica e levar ao frigorífico a arrefecer e refrescar. Deitar a mistura fresca na máquina de sorvete e seguir as instruções da mesma. Caso não tenha sorveteira, levar a mistura ao congelador e, durante a primeira hora e meia, ir mexento vigorosamente com um garfo, acção que deve ser feita de 1/2 em 1/2 hora. Ao fim daquele tempo, deixar congelar normalmente. Esta medida ajuda a que não se formem cristais de gelo.

 

Convencional:

Com uma faca afiada, abrir a vagem de baunilha ao meio longitudinalmente e raspar as sementes. Numa panelinha, levar ao lume as sementes e vagem de baunilha, o leite a as natas. Deixar levantar fervura e ir controlando a ebulição com a intensidade do lume, de molde ao leite não verter para fora da panela. Esperar 8 minutos e apagar o lume. Retirar um pouco do leite quente e misturarnas gemas previamente batidas. Deitar depois essa mistura ao leite quente, em fio, e mexendo sempre. Levar ao lume, novamente e ir mexendo sempre, jogando com a intensidade do lume, para não deixar ferver, sob a pena das gemas "talharem" e ficar uma mistura desagradável com um aspecto de ovos mexidos. Passados 4 minutos ao lume, apagá-lo. Quando terminado, retirar a vagem da baunilha, deitar a mistura numa taça de carêmica e levar ao frigorífico a arrefecer e refrescar. Deitar a mistura fresca na máquina de sorvete e seguir as instruções da mesma. Caso não tenha sorveteira, levar a mistura ao congelador e, durante a primeira hora e meia, ir mexento vigorosamente com um garfo, acção que deve ser feita de 1/2 em 1/2 hora. Ao fim daquele tempo, deixar congelar normalmente. Esta medida ajuda a que não se formem cristais de gelo.

Mãos à obra


Adaptada do Sabores de Canela

 

tags:
publicado por Maria às 18:52
mais sobre mim
pesquisar neste blog
 
Maio 2013
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
16
20
24
25
27
28
29
30
31
últ. comentários
Adorei. ❤️ Adeus e um grande ZACATRAZ
E a tinta? A tinta é essencial para a confecção.
Adorei ler seu post.numero do felipe neto (https:/...
As batatas são efetivamente às rodelas mas aquele ...
Agradeço a receita mas tem algo de errado. Nunca p...
Olá a todos. As batatas são efectivamente às rodel...
Minha senhora D. Ana, lamento desaponta-la,mas alb...
Albardar sardinhas ou outro alimento, pressupõe um...
eu adoro esta receita porque com os ingredientes p...
nossa que receita maravilhosa Amei seu blog BJO? (...
blogs SAPO